22 de fevereiro de 2017

[Resenha #63] The Kiss of Deception

Titulo: The Kiss Of Deception
Autora: Mary E. Pearson
Editora: DarkSide Books
Páginas: 406
Sinopse:Tudo parecia perfeito, um verdadeiro conto de fadas menos para a protagonista dessa história. Morrighan é um reino imerso em tradições, histórias e deveres, e a Primeira Filha da Casa Real, uma garota de 17 anos chamada Lia, decidiu fugir de um casamento arranjado que supostamente selaria a paz entre dois reinos através de uma aliança política. O jovem príncipe escolhido se vê então obrigado a atravessar o continente para encontrá-la a qualquer custo. Mas essa se torna também a missão de um temido assassino. Quem a encontrará primeiro?
Quando se vê refugiada em um pequeno vilarejo distante o lugar perfeito para recomeçar ela procura ser uma pessoa comum, se estabelecendo como garçonete, e escondendo sua vida de realeza. O que Lia não sabe, ao conhecer dois misteriosos rapazes recém-chegados ao vilarejo, é que um deles é o príncipe que fora abandonado e está desesperadamente à sua procura, e o outro, um assassino frio e sedutor enviado para dar um fim à sua breve vida. Lia se encontrará perante traições e segredos que vão desvendar um novo mundo ao seu redor.
O romance de Mary E. Pearson evoca culturas do nosso mundo e as transpõe para a história de forma magnífica. Através de uma escrita apaixonante e uma convincente narrativa, o primeiro volume das Crônicas de Amor e Ódio é capaz de mudar a nossa concepção entre o bem e o mal e nos fazer repensar todos os estereótipos aos quais estamos condicionados. É um livro sobre a importância da autodescoberta, do amor, e como ele pode nos enganar. Às vezes, nossas mais belas lembranças são histórias distorcidas pelo tempo.


Olá, aqui é a Tassia do Epifania nos Livros e hoje vamos falar um pouco sobre The Kiss of Deception, o livro com todos os elementos possíveis para o verdadeiro sucesso. E eu vou tentar ser o mais imparcial possível com esse livro, prometo!

“Aquele era um dia que mil sonhos morreriam e um único nasceria”.
Já de inicio somos apresentados a Lia que nos conta aos poucos onde ela está e o que estão fazendo a ela. Nossa princesa é a primeira filha do rei de Morrighan e tem um valor inestimável para muitos reinos e pessoas com fé. Por acaso, ela foi prometida ao reino vizinho, Dalbreck, com uma proposta de casamento para tentarem um acordo de paz por anos de guerra. Porém, Lia tem sonhos próprios e não quer compartilhar desse acordo de paz com seu reino, e foge no dia do seu casamento com a ajuda de sua criada pessoal Pauline. O rei de Morrighan – seu pai – manda os melhores para rastrear Lia e traze-la de volta para o casamento, mas, Lia cresceu com seus irmãos mais velhos e talvez tenha aprendido muitas coisas além de travessuras, sendo uma delas a de despistar e criar pistas falsas.
"Depois que minhas atividades foram restringidas, desenvolvi uma tendência a sair sorrateiramente, como fiz hoje. Não é uma habilidade que seria valorizada pelos meus pais, embora eu me orgulhasse dela."
Lia e Pauline vão a um vilarejo perto de Morrighan, chamado Terravin e lá Lia começa a experimentar uma liberdade que sempre desejo e nunca foi lhe permitido ter. Elas acabam morando em Taberna com uma dona que, para mim, mais pareceu uma mãe para as duas e ambas começam a trabalhar e se esforçar para iniciar uma nova vida. Mas tudo muda quando dois sujeitos chegam ao local e todo o tipo de coisa começa a acontecer. Sabemos que um deles é o assassino e o outro é o príncipe, mas... Como as coisas ficarão a partir do momento em que veem e realmente conhecem Lia?
"Durante minha vida toda sonhei com alguém me amando pelo que eu era. Por quem eu era. Não por ser a filha de um rei. Não por ser a Primeira Filha. Apenas por mim. E, com certeza, não porque um pedaço de papel ordenava isso. "
Nesse Livro – maravilhoso – da Darkside, temos uma trama bem resolvida, com os nós certos atados nesse volume. Praticamente todo o livro é narrado por Lia e temos alguns poucos capítulos perdidos narrados por “assassino” e por “príncipe” e sim, não sabemos quem é quem. Mary não nos deu nomes, apenas a adivinhação de acordo com as atitudes dos dois personagens e escolhas.
Eu acredito veemente que Mary E. Pearson, autora da trilogia de as Crônicas de amor e ódio, conseguiu firmar seus personagens e estruturar eles. Não a vi em momento algum fugir do seu enredo ou se perder em questão de personalidade. Cada qual foi único e fiel ao que ela nos apresentou até o final. Lia é uma princesa forte, determinada e cheia de opiniões próprias, pronta pra salvar quem ela ama e algumas vezes age simplesmente por força dos seus sentimentos, dando a ela uma intensidade pouco vista em personagens femininas principais na maioria dos livros. A principio eu não posso falar dos nossos dois homens maravilhosos pois eu daria um baita de um spoiler mas, o que posso comentar deles é que temos dois homens fieis a sua origem e que se surpreendem ao conhecer nossa princesa.
O motivo que dou para ler esse livro – e os outros que seguem e contam o restante da história – é que não temos aqui um conto de fadas. Nossa personagem não é uma princesa ignorante, ela luta contra tudo e todos para ter o que deseja. Temos cultura – e não a nossa. Uma completamente diferente onde as primeiras filhas são tidas como uma pessoa especial. As pessoas acreditam que elas tenham o “dom”. Sussurros e verdades que só elas sabem um “dom” que caminha junto a elas por toda a vida e por isso é que são tão especiais e como Lia às vezes dadas como um sacrifício de guerra. Todo o ritual que Lia passa para o seu casamento, presente nos primeiros capítulos do livro, é rica em detalhes e muito importante para todos os acontecimentos futuros. E também, para quem não sabe, The Kiss of Deception é uma distopia mais leve, mas, visíveis todos os seus elementos para se tornar distopia (eu simplesmente amo distopias).

Quanto à edição... Será que precisa de comentários? É impossível falar de qualidade e não citar a Darkside. Com suas edições de colecionador, capa dura e cheia de mimos pra nós amantes e colecionadores de livros, têm passagens dos Testemunhos de Gaudriel (muito importante, aliás), mapas e tudo que eu poderia desejar. As folhas são mais ásperas e achei ótimo para a virada de página quando necessário. A capa parece veludo de tão macia e a ilustração representa tão bem a história. São 409 folhas de pura qualidade e luxo. Gente, eu amo demais a editora e suas edições, particularmente não curto terror, mas compro só pra cheirar e namorar essas edições que só podem ser representadas por uma palavra: PERFEIÇÃO.

Já deu de notar o quanto amei a leitura não é? Fiquei tão envolvida que li em 3 tardes. A princípio era para ser uma leitura conjunta, mas... Eu não aguentei e simplesmente devorei o livro e arranjei tempo para ler onde não existia. O considero um dos meus favoritos de 2016 e de certeza será minha releitura quando a Dark lançar o terceiro agora no primeiro semestre de 2017. Uma forte recomendação para os amantes de leitura.
Fico por aqui. Boa leitura à todos :*


22 comentários:

  1. Só leio bons comentários sobre esse livro, assim como na sua resenha, que realmente ficou claro o quanto foi uma leitura bem proveitosa pra você. E sobre essa edição não tenho dúvidas de que é mesmo maravilhosa, assim como todas as obras da Darkside. Essa capa é sensacional <3 Beijos, Fer

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Fer!!
      Realmente foi uma leitura bem proveitosa. E antes de ler eu também só ouvia bons comentários sobre e fiquei muito feliz por provar da realidade!!
      Beijos Fer 😚

      Excluir
  2. Oi Tassi .. ... não é meu tipo de leitura favorita, mas vc falou com tanta ênfase dele que eu farei uma chance .... embora não curta muito distopia, prefira volumes únicos. Lia é uma personagem que parece forte e eu fiquei curiosa sobre os homens.. .. claro, a darkside sempre aposta em uma diagramação impecável. Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Fabi!
      Dá uma chance pra ele sim. A distopia é leve e qualquer ponta solta desse livro já temos muitos nós no segundo que é tão incrível quanto o primeiro. Vai ter resenha dele também logo logo.
      Sobre os homens: você se surpreende.

      Darkside é rainha em edições 💘
      Obrigada por comentar e beijos 😚

      Excluir
  3. Ao mesmo tempo que me empolgo em conhecer essa trama, me desanimo por saber que é uma trilogia. Acho que ainda vou ler, mas depois que todos os livros estiverem publicados no Brasil.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Ivi!
      Também fico receosa quando são trilogias. A princípio eu li o segundo e ele é tão incrível quanto o primeiro e termina de um jeito surpreendente além de nos deixar com a coceira de querer logo o terceiro. Recormendo ler quando todots saírem e pelo que sei a Dark lança ainda nesse semestre.
      Obrigada por comentar 😚😚

      Excluir
  4. Oi, Tassiane!
    Adoro protagonista fortes e Lia parece ser o meu tipo! Quero muito ler o livro e conhecer mais essa história depois da sua empolgação com o livro. o/
    A edição está mesmo muito linda!!! Com esse mapa então? Só trás mais charme e beleza para esse livro. Não tem como não se encantar. rsrs...
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Sempre escuto falarem muito sobre essa série e dizer que eu estou curiosa é eufemismo. Nunca tinha parado para ler uma resenha sobre, mas a sua foi bem explicativa e chamou a minha atenção ainda mais. E gente, dois homens fieis a princesa, querooooo! E eu concordo com você, pelo o que eu vi nas fotos acima essa edição é a pura perfeição.
    Beijos,
    http://romanceerotic.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oie! Tudo bem?

    Li bem por cima sua resenha pois quero realizar a leitura do livro ainda esse ano, e estou fugindo de qualquer resenha/comentário/spoiler que possa haver do livro, para poder realizar a leitura tranquila e tirar mais próprias conclusões! E concordo com você a edição é linda e tem mapa! Amo mapas em livros! kkk

    Bjss

    ResponderExcluir
  7. Oi Tassiane,

    Eu simplesmente amei esse livro. Apesar de ser paradinho em muitos momentos a narrativa é super envolvente e a dúvida de quem é o príncipe e o assassino instigam o leitor. Achei o segundo um pouco massante, mas foi o que mais me emocionou.
    Não vejo a hora da dark lançar o último. Acho que vai ser espetacular.

    Bjs,
    Garotas de Papel

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Sempre achei muito interessante o fato de não saber quem é o vilão e quem é o mocinho. Preciso confessar a você que me interessava muito nesse livro, mas acabei lendo coisas sobre ele que me desanimaram, como por exemplo a personalidade da protagonista. Mesmo você destacando como forte, tenho receio. E, além disso, estou fugindo de trilogias, então no momento passo a dica.




    ourbravenewblog.weebly.com
    Participe do nosso TOP COMENTARISTA valendo um livro JANTAR SECRETO, do autor Raphael Montes :)

    ResponderExcluir
  9. Oie...
    Eu acredito que não existe outro livro tão bem editado quanto esse, a editora realmente arrasou!
    Acho a premissa dessa obra mega atrativa e morro de vontade de ler, agora, ainda mais, devido a essa resenha toda apaixonada...
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Oie!
    Nossa, você amou essa leitura!
    Eu ainda não tive a oportunidade de ler esse livro, mas com certeza vou gostar dessa história.
    Eu já comprei os dois livros publicados, e só estou aguardando o terceiro livro para ler tudo em sequencia rs
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  11. Realmente eu pude notar a intensidade da história através da sua resenha. Não é bem o tipo de enredo que me chama a atenção, não me senti tão atraída assim, mas pela sua descrição acho que pode ser uma boa leitura, boa resenha!

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Eu morro de vontade de ler esse livro. Eu adorei esse motivo que você nos deu para ler e é exatamente ele que tinha me chamado a atenção desde o começo. Adorei conferir a sua resenha e espero realmente gostar tanto do livro assim como você gostou.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Oi Tassiane!

    Tudo bem? Primeiramente: eu sou a louc-apaixonada-fissurada por edições da DarkSide! Sério como pode uma editora fazer um trabalho tão maravilhoso? E Kiss of Deception é definitivamente uma das capas que mais me chama atenção.

    Já aceito como outro ponto positivo que faz com que fique absolutamente interessada no livro o fato de ele possuir uma trama bem desenvolvida! Isso realmente faz toda a diferença para mim de achar um livro bom ou ruim e o fato da autora conseguir construir e solidificar suas personagens muito bem já neste primeiro volume da trilogia me faz ficar ainda mais louca pra ler!

    Beijinhos - Jessie
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  14. Olá, tudo bom?

    A Darkside, como sempre, arrasa. Eu já comprei esse livro, mas como os posteriores não tinham sido lançado, ainda não tinha começado a leitura. O segundo já está a venda, mas estou esperando o terceiro chegar no Brasil para que eu possa ler todos de uma vez. Sei que ficaria ansiosa querendo saber o que acontece, então já evito isso antes, rs.
    A edição está maravilhosa mesmo, como você disse. Tem vários detalhes que, juntos, fazem com que seja um dos livros mais lindos da minha estante (junto com vários outros dessa Editora). A premissa do livro em si, me surpreendeu, pois é diferente do que já li. Não saber quem é o assassino e quem é o príncipe, vai me prender na narrativa até que eu descubra realmente quem é quem, rs. E eu quero amar essa leitura, assim como você! <3

    Enfim, obrigada pela dica ;)
    Abraços.

    http://instantesmemoraveis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oie tudo bem?

    Quando li esse livro estranhei um pouco a escrita da autora, mas depois que me acostumei, a leitura fluiu muito rápido, amei o desenvolvimento da estória e o plot do final foi de matar!

    Bjs Jany
    http://www.leituraentreamigas.com.br

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    O que dizer desse livro que eu amei tanto quanto você? hahaha adorei o universo criado e como a gente fica na dúvida sobre quem é o príncipe e quem é o assassino, foi uma jogada genial da autora. Estou louca para ler o próximo!
    Beijos,

    Luana

    ResponderExcluir
  17. Olá!
    A Darkside nunca decepciona em suas edições.
    Confesso que não fui muito com a cara da Lia porque de certa forma ela me pareceu mimada. Tudo bem que ela tinha os próprios sonhos e tal, mas o casamento era pra ter paz no seu reino.
    Ainda não li o livro, mas já vi tantas resenhas falando super bem dessa trilogia... E ainda tenho a curiosidade de saber quem é o príncipe e quem é o assassino...

    ResponderExcluir
  18. Olá!!
    Que resenha bem completa e gostosa de ler, parabéns!!
    Eu tenho curiosidade para ler esse livro, um dos unicos da Dark que me interessou. Adorei saber que encontramos um conto de fadas aqui!!!! Amo esse tipo de livro.

    Dica mais do que anotada!

    beijos
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  19. Tenho os dois primeiros livros da série, mas ainda não li nenhum deles e estou extremamente ansiosa para conseguir incluí-los em minha meta de leitura esse ano. Só quero que o terceiro seja lançado logo para eu poder começar, não gosto de ficar esperando muito para ler uma série toda (aiai A Rainha Vermelha...)

    As edições da Darkside são sempre lindosas e cheias de qualidade. E gosto de histórias com protagonismo feminino forte, que sai do lugar de submissão dos contos de fadas. Amo distopias, como você!

    Ótima indicação!

    Abraços!
    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir