11 de outubro de 2016

[Resenha #41] A Era de Ouro do Pornô

 Titulo: A Era de Ouro do Pornô
 Autor:Zeka Sixx
Editora: Multifoco
Pagínas: 160
 Sinopse:Max tem vinte e nove anos e mora sozinho em um apartamento em Porto Alegre. Faz bicos como tradutor e sonha em ser escritor, enquanto passa os dias bebendo, esperando o fim de um bloqueio criativo que o aflige há três anos. Você já leu essa história milhares de vezes, certo? Não exatamente. "A Era de Ouro do Pornô", primeiro romance de Zeka Sixx, autor do livro de contos "O Caminho dos Excessos" (Edição do Autor, 2015), parte de uma premissa aparentemente batida para se revelar uma fábula maldita, encharcada em álcool, sexo, cultura pop e niilismo. Mais do que Max, o anti-herói central, é a cidade de Porto Alegre, com seus habitantes - do sexo feminino, em especial -, o verdadeiro personagem do romance. O enredo se desdobra como uma montanha-russa, indo do sonho ao pesadelo num virar de página. "A Era de Ouro do Pornô" é uma sátira a uma geração que colocou sobre seus próprios ombros a necessidade de ser criativamente relevante.
Olá meus queridos leitores, hoje vim falar de um livro que a muito tempo queria  ler. Vamos conferir o que eu achei?

No livro somos apresentados ao Max, um tradutor de 29 anos, mas na verdade o sonho dele mesmo era ser um escritor de certo modo Max leva jeito para coisa. Max mora em Porto Alegre e adora sair pelas noites atrás de comida de graça e mulheres aptas a fazer sexo sem nenhum envolvimento além disso. A rotina do Max é sempre a mesma dorme durante o dia e sai à caça durante a noite. Mas a cada nova aventura do personagem vamos descobrindo coisas noivas e mergulhando  na história.


Bom, não tenho muito ao que revelar dessa história até por que o livro é curto e não quero estragar a leitura de ninguém. Confesso que na primeira frase do livro fiquei meio chocada e pensei Meu Deus, mas aos poucos fui me identificando com a escrita do autor e comecei a enxergar a essência que o livro trás.

Max é um personagem diferente do que estamos acostumados a ver, os pensamentos dele em relação a tudo em sua volta são um tanto engraçado e faz você parar e pensar esse personagem é foda ! Sabe por que eu achei o Max um personagem diferente e cativante? Pois, ele fala e pensa tudo que às vezes a sociedade vê como Tabu.

Há muito tempo Max deixou de ser um cara seletivo, se a mulher chegar e ceder aos seus encantos ele pega mesmo, pode ser a pior mulher do mundo, mas ele prefere pegar a ir embora sem nada. No meu ponto de vista ele usa o sexo e a bebida como válvula de escape, isso não é o certo a fazer, mas na medida em que o livro vai passando eu tinha quase certeza que o que o Max precisava era de uns conselhos. No meu ponto de vista ele já não acredita mais no amor, ele gosta e de curtir mesmo!



A escrita do Zeka é bem despojada ele usa dialetos e escreve de uma forma que você consegue imaginar direitinho o Max falando cada letra. Essa leitura foi um tanto inovadora para mim, muitas pessoas podem ter receio de ler o livro pela temática, mas é ai a questão o Max ele fala da realidade dele, é como se fosse uma espécie de diário aonde vamos junto com ele a cada aventura e são muitas.  Eu gostei de varias coisas que vão acontecendo ao longo da narrativa de certa forma Max vai colocar vocês para pensar sobre determinado assunto, pelo menos comigo foi assim.

 A única coisa que não me agradou é que as paginas são brancas, mas no quesito enredo tá nota mil. O livro tem uma playlist incrível na qual eu gostei muito, muitas músicas eu não conhecia. Para as pessoas que querem ler esse livro “leia com a mente aberta, sem tabus” que eu te garanto que vai ser uma leitura agradável e divertida. Já estou com saudade das aventuras do Max Califórnia!

Espero que vocês tenham gostado e leiam e quem ler me fala o que achou! Beijos !

·       Playlist:

 IObs: Peguei a Playlist no Blog Fundo Falso ♥

18 comentários:

  1. Olá
    Já li algumas resenhas desse livro, porém não manifestei o interesse em lê-lo, também porque não faz muito o meu estilo. Uma coisa que eu não sabia era sobre a playlist, o que adorei poder conferir por aqui. Independente se quero ler ou não, adorei poder conferir sua resemha;
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  2. Eu amei a premissa desse livro. Bem diferente daquilo que estamos acostumados. Alem disso eu gosto de livros com trilhas sonoras. Gosto de escutar depois é imaginar os detalhes que li no livro. Beijos

    ResponderExcluir
  3. Olá,
    Pela resenha, o livro parece bem interessante e que vai me despertar uma leitura agradável.
    Confesso que não gostei muito da capa e talvez não desse uma chance a ele por ser um pouco chocante demais, mas isso é particular meu.
    Gostei muito da resenha! Ah, e achei o blog lindíssimo!
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Oi!

    É a segunda resenha que eu leio desse livro e fiquei curiosa pra saber mais da história. Eu sou totalmente contra a indústria pornô, então o nome do livro me choca e me deixa puta da vida haha mas eu sei esperar as coisas e gostei dos pontos destacados. Quero conhecer esse protagonista!

    Adorei a resenha!

    beijos =)

    ResponderExcluir
  5. Oi, tudo bem?
    Sabe quando você olha pra capa de um livro e tem a impressão de que já viu ela, mas não consegue ter certeza? poise, estou assim agora kkk enfim, o livro parece ser bem interessante, ando em um momento que estou lendo bastante romance, mas confesso que nunca li um livro do tipo todo narrado sob o ponto de vista de uma figura masculina, e isso me deixou muito curiosa, saber como a autora desenvolveu a obra. Dia anotada, espero pode conferir a obra e gosta dela tanto quanto você haha

    ResponderExcluir
  6. Olá Bianca,
    Fico contente que você tenha gostado tanto assim da leitura e que estivesse ansiosa para ler.
    Infelizmente, esse livro não desperta minha curiosidade em nada. Acho que o autor mostrar como Max é em seu dia a dia e como ele usa o sexo e a bebida como uma válvula de escape é interessante, mas isso não entra na minha cabeça e não vejo como posso tirar algo de útil da leitura, sabe?
    No mais, achei sua resenha muito bem escrita, mas vou deixar a dica passar.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  7. Olá!! :)

    Eu já tinha ouvido falar sobre este livro, mas não aprecio nada e vou passar a dica, especialmente por não fazer o meu tipo de leitura! :)

    Ainda bem que gostaste da leitura, da escrita (e sempre bom quando e "real" e parece que os personagens estão a falar!). :)

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-do-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  8. Olá,
    Achei a premissa do livro bem interessante e o que mais me chama a atenção é o personagem Max pelo fato de ele ser um tanto diferente do normal e com isso trazer a tona o que muitos consideram tabu. Fiquei bem curiosa para conferir a obra e espero que quando o fizer, que eu mantenha a mente aberta.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi, tudo bem?
    Confesso que sou uma das pessoas que tem receio de ler esse livro, já que o gênero erótico/hot não me agrada. Porém, fiquei muito curiosa para conhecer Max depois de tudo o que você falou nele. Algo que considero importante na literatura é que os autores falem mais sobre temáticas importantes e aparentemente foi o que o personagem fez e estou bem curiosa para saber o que ele pensa sobre essas coisas.

    Beijos! ♥

    ResponderExcluir
  10. Oi, tudo bem? A playlist desse livro está bem bacana mesmo com várias músicas que amo. Mas sei lá...o enredo desse livro não chama muito minha atenção e fico com certo receio de ler. Tenho medo de encontrar algo que me desagrade naa páginas e não sei se conseguiria aceitar tão bem a vida que o Max leva mesmo que tenha uma justificativa para isso.
    Bj

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Essa é a segunda resenha que leio desse livro e acho que o título não combina muito bem com o tema do livro, apesar do assunto ser o mesmo. APesar de você não falar muito da história, fiquei bem curiosa para realizar essa leitura.
    Beijos.
    http://arsenaldeideiasblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  12. Oi, Bianca, adorei a resenha, que legal que gostaste tanto do personagem e - o mais importante - achaste ele verossímil! Era justamente esse um dos meus maiores objetivos: queria que os leitores vissem o Max como alguém que eles pudessem conhecer! Ah, e ficaram faltando umas músicas nessa playlist, hein?
    Para quem se interessou pelo livro, ele está com frete grátis no site da Multifoco: http://editoramultifoco.com.br/loja/product/a-era-de-ouro-do-porno/
    E para quem se interessou na playlist, segue o link no Spotify: http://tinyurl.com/jq7nvud
    Abraço, obrigado pela parceria e parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir
  13. Oiii Bianca, tudo bem?
    Eu já tinha visto esse livro por aí e não me interessei em ir atrás, porque a capa e o título não me agradam. Então imaginei que o enredo também não me agradaria. Mas lendo sua resenha, acho que eu poderia gostar sim do livro. É bom ver assuntos normais, sendo abordados com naturalidade. Afinal, nada mais óbvio.
    Mas aqui serei um pouco preconceituosa, infelizmente. Não curto livros escritos por homens e que falem sobre sexo e mulheres.
    Já li alguns e me decepcionei. às vezes acho que o autor pesa a mão ou em outras, que reproduz machismo. Não estou dizendo que é o caso, já que ainda não li o livro. Só estou falando das minhas experiências e elas acabaram me deixando meio receosa :(
    Mas quem sabe um dia, quando eu superar isso?
    Beijooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Olá,

    Sou muito fã do gênero, e ultimamente tenho visto alguns comentários bem positivos sobre esse livro, ainda não tive a oportunidade de ler, mas pretendo um dia. No momento, o livro não é o que estou procurando, mas dica anotada!

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Faz um tempinho que quero ler esse livro, fiquei contente que o autor é despojado em sua escrita, e escreve como tudo fosse um diário. A sinopse do livro, nos deixa curiosos quanto ao conteúdo e você deixou tudo mais claro.

    ResponderExcluir
  16. Oi Bianca, eu não julgo um livro pela capa, e muito menos sou preconceituosa quando a leitura apresenta sexo. Não sei qual o grande tabu das pessoas com livros desse gênero, afinal, isso faz parte da nossa natureza, e qual adulto não o faz? Quando o enredo é bem trabalhado, cenas hot são apenas um dos ingredientes da história, não é mesmo? Enfim, gostei da premissa e adoro quando o livro apresenta personagens irreverentes e que nos surpreendem. Acredito que vou gostar dessa leitura tanto quanto você. Abraços

    ResponderExcluir
  17. Olá amore,
    Recebi esse livro de parceria, estou lendo intercalado com outros... mas parece ser bem intenso pelo pouco que já li.
    A playlist é uma graça!
    Beijokas
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  18. Oi, tudo bem?
    Terceira resenha que leio sobre esse livro e novamente minha vontade de ler esse livro tá nas alturas! Ainda mais quando a trama do mesmo se passa na minha cidade e o sobrenome do Max me lembra MUITO uma música do Red Hot Chilli Peppers, "Californication", que por acaso é também o nome de uma série americana com o David Duchovny, kkkkkkkkkkkkkkkkkkk.
    Abraços e beijos da Lady Trotsky...
    http://rillismo.blogspot.com

    ResponderExcluir