27 de setembro de 2016

Clube do Livro BH



Olá meus queridos leitores, tudo bem com vocês? Eu espero que sim!

Hoje vim falar de uma experiência maravilhosa que eu vivi nesse fim de semana que foi o CLUBE DO LIVRO BH!


Eu conheci o Clube do Livro BH em um evento aqui em Belo Horizonte, e nesse evento fiquei contagiada com a alegria e animação deles e então fiquei curiosa em conhecer um pouco mais já que eu era doida para participar de algo desse tipo. Quando entrei no grupo do facebook fiquei maravilhada com a interação dos integrantes e com a variedade de gêneros literários. Não me dando por satisfeita pedi para entrar no grupo do whatsapp e foi ai que eu fiquei mais apaixonada ainda, eles se tornaram como membros da minha família, pois conversamos sobre tudo dando dicas, tirando duvidas e sempre as quartas feiras  as 23:00 rola uma brincadeira muito engraçada que também rolou no evento. O Clube do livro foi minha melhor descoberta de 2016, eu consegui vê que existe pessoas tão alucinadas com livros assim como eu e me apaixonei perdidamente pela família CLUBE DO LIVRO BH!

Clube do Livro BH
   ♥ Clube do livro BH foi criado pela Letícia Pimenta juntamente com sua irmã  Laila Pimenta, ambas abraçaram a causa e estão levando isso cada dia mais adiante.

♥ O evento acontece ou de dois em dois meses ou de três em três meses.

  Por enquanto ainda não tem um lugar fixo para o evento.

  Sempre tem brincadeira, sorteios e debates sobre os livros. 


O que aconteceu no dia 24...
  Minha intenção era gravar um vlog eu até comecei, mas lá dentro a iluminação estava escura devida ao tema.
 O tema desse ultimo encontro foi “Sobrenatural”. Assim que cheguei ao Teatro Francisco Nunes fiquei maravilhada, pois era um teatro enorme que fica aqui na região central de Belo Horizonte dentro do Parque Municipal. A organização era algo fora de sério tudo muito organizado nada fora do horário, tudo feito para que nós ficássemos bem acomodados. Logo na entrada ganhamos um kit muito meigo com marcadores ( Ganhei um da Jojo Moyes que eu não dou nem se me pagar).

Foto retirada do grupo #CLUBEDOLIVROBH


 Fiquei mais encantada com as irmãs Pimenta, pois apenas  as conhecia pelo grupo, sãos simpáticas engraçadas e sempre envolvendo o público o tempo todo no meio de debates e brincadeira. Chorei de rir varias vezes com essas duas elas são uma peça. Uma coisa que me deixou surpresa, pois o clube do livro estava recebendo dois estrangeiros, e na hora da brincadeira foi a hora mais surpreendente de todas por que os estrangeiros são bem retraídos e recatados, mas esse se mostrou um tanto descontraído e bem a vontade enquanto ele tinha auxilio de uma tradutora ele se divertiu no meio da brincadeira.

FOTO RETIRADA DO GRUPO #CLUBEDOLIVROBH
Tivemos debates sobre os livros abaixo:



Confesso que não li nenhum, mas fiquei super curiosa para conhecer um pouco mais sobre eles já que quem leu tecia elogios às obras. O pessoal foi a caráter mesmo, adorei vê a criatividade das pessoas. Foi uma tarde maravilhosa cercada de pessoas maravilhosas, eu só tenho a agradecer o Clube do livro por nos proporcionar momentos como esses, pois é disso que precisamos. Fiquei emocionada no fim do evento, pois foi algo que realmente mexeu comigo, fiquei muito feliz por me sentir tão acolhida. Lembrando que todos que estavam  lá para ajudar eram voluntários e estavam ali por amor ao CLUBE DO LIVRO.
Regis


Alice

Equipe ♥

Para finalizar vou deixar aqui um depoimento de um dos ajudantes e também membro do Clube do Livro:
O clube do livro é realmente uma mãe, ele sabe acolher, nos mostra o quanto é bom socializar, como é criar amigos, amar e ser amado. Mas também sabe nos puxar a orelha, se alguma coisa estiver errada. Nos mostra o mundo da leitura, nos leva a mundos e caminhos diferentes, passando por todos os gêneros de livros, para agradar a todos os gostos. Se agradam a todos? Bem provável que não, tem sempre alguém do contra, afinal são essas pessoas do contra que lhes dão a força necessária para aperfeiçoar o que já é bom, e fazer de cada leitor, e futuro leito ser bem acolhido e serem amados, o clube do livro é muito mais que uma mãe, é uma família sem preconceito, sem discriminação. Aqui cada um pode ser o que quiser, unicórnio, monstro, bruxa, fada, príncipe, princesa. Aqui cada integrante contribui com um pouco de sua história, e vamos montando esse livro lindo e magnífico que é o clube é do livro, ou seria a história sem fim? Agora fiquei confuso, a única certeza é que no clube do livro tem muito amor, companheirismo e cultura.-Michel Santos

Redes Sociais do Clube do Livro BH
Grupo 

22 de setembro de 2016

[Resenha #39] Tentador

Titulo: Tentador
Editora: Independente 
Autoras: Lola Salgado & Ruby Lace
Onde encontrar:Amazon
Páginas:220
Sinopse:"Tentador: adj. O que experimenta, provoca, desperta desejo." 
Prestes a completar 40 anos, Adriana decide correr atrás dos sonhos que nunca teve oportunidade e nem coragem de realizar na juventude. Seguindo o conselho do terapeuta, cria uma lista com metas, dentre elas, inscrever-se nas aulas de Jiu-Jitsu. No entanto, o que ela menos esperava era se sentir atraída pelo professor e, embora tente impedir, o desejo entre os dois é inevitável. O grande problema, porém, é o fato de Bernardo ter idade para ser seu filho, além do segredo guardado por ela, capaz de abalar essa relação.



Olá meus queridos leitores, tudo bem com vocês? Eu espero que sim!
Hoje vamos falar de um livro que literalmente deixou muitas leitoras apaixonadas.
No livro vamos conhecer a história de Adriana e Bernardo. Adriana uma mulher de 39 anos que está prestes a completar 40, uma mulher bonita, bem sucedida financeiramente e profissionalmente, é casada a mais de 20 anos, porém o casamento não é o mar de rosas que muitas pessoas pensam eles são mais amigos do que marido e mulher. Também conhecemos o Bernardo um home de 25 anos lutador de Jiu-Jitsu, muito bem resolvido quando o quesito é sua vida, ama uma boa festa e a cada dia que pode pega uma garota diferente.
 Em meio a uma seção de terapia Adriana cria uma lista (como se fosse metas) e ela se propõe a fazer todas até o seu aniversario de 40 anos e uma das primeiras coisas da lista é se matricular em uma academia de Jiu-Jitsu. Na academia ela conhece o Bernardo que será o seu professor obviamente Adriana se sentiu atraída por ele (Claro ele é um gato). Começa a surgir uma amizade entre os dois, porém está cada vez mais difícil esconder o que ambos realmente querem. A amizade começa ficar mais firme e então Bernardo começa a ajudar Adriana riscar alguns itens de sua lista. Quando pensam que está tudo dando certo há uma grande reviravolta, pois Adriana tem um segredo que a afasta de Bernardo e logo em seguida a família de Bernardo descobre seu suposto caso com Adriana assim como o marido dela (isso não é spoiler).




A capa do livro já é algo que me tira o fôlego sim eu amo capas.  O livro me prendeu muito, pois é um New Adult bem tranquilo de se ler, não tem nada muito explicito. A Adriana foi um personagem que de certa forma me cativou, mas fiquei mais envolvida com o Bernardo não sei por que! Adorei a narração desse livro é em primeira pessoa alternado entre o Bernardo e a Adriana. As narrações feitas por Bernardo me encantaram, por que eu podia jurar que era um homem que estava escrevendo, as autoras arrasam em todas as falas, usaram gírias, palavras típicas de homens, zoeiras típicas de amigos entre outras coisas que me agradam muito.



Apenas uma coisa que não me agradou no livro foi o quesito traição eu não gosto muito disso, por mais que a Adriana já estava se decidida a terminar eu fiquei o tempo todo com medo do marido dela chegar e estragar a trama toda. Os personagens secundários desse livro também foram de grande importância ao longo da história como, por exemplo: O terapeuta da Adriana eu particularmente o achei muito sábio, ele sabia tudo que a Adriana precisava ouvir e às vezes eu achava que ele era mais amigo do que terapeuta.


De um modo geral a história me agradou muito, fiquei muito feliz em aprender algumas coisinhas do Jiu-Jitsu. A narrativa te envolve de um jeito que você não consegue parar. A leitura é fluida faz você se perder em meio as paginas. Foi meu primeiro contato com a escrita das autoras e foi uma experiência bem positiva. Os personagens são bem cativantes. Elas fazem você ter vontade de entrar na história e conversar com os personagens. O cenário faz jus à história elas usaram como plano de fundo o Rio de Janeiro. Outra coisa que me chamou atenção é que Adriana e Bernardo são personagens que podemos facilmente encontrar no nosso dia-a-dia.  Essa história é meio o contrario do que estamos acostumados a ver. Se querem uma dica para uma leitura engraçada e que vai arrancar suspiros? Eu indico “Tentador”!




19 de setembro de 2016

[Resenha #38] : Os Donos da Vida


 Titulo: Os Donos da Vida
 Autor : Airton Tavares 
 Editora: Chiado 
 Paginas: 274
 Sinopse:As gotas da forte chuva batiam com força no rosto de Josué. Ele corria pelas calçadas pela necessidade de chegar a tempo. E, naquele inesquecível dia, ele carregava consigo as intensas lembranças de sua grande e difícil aventura. Aventura em que ele teria que fazer o inimaginável para salvar a alguém que fazia parte das pessoas que ele mais amava.







Olá meus queridos leitores, tudo bem com vocês? Espero que sim!  Hoje vim falar de um livro que quando eu recebi já fiquei cheia de expectativa pela capa e pela premissa, então vamos saber o que eu achei?

No livro somos apresentados a Josué um professor que vive tranquilamente com sua família. Um grande amigo de Josué um cientista desaparece sem dar explicações. Passando-se algum tempo Josué descobre que seu pequeno filho Samuel está com câncer e os médicos já disse que ele não terá muito tempo de vida. Ele estava atordoado com o que o médico tinha acabado de lhe falar e saiu para o corredor do hospital foi quando Willian (o cientista desparecido) reaparece depois de 24 meses falando que tem uma solução para o que está acontecendo com Samuel, como Josué já poderia imaginar Willian estava envolvido em um projeto super secreto na qual ele já havia sido avisado pelas autoridades sobre um suposto roubo de dispositivos.  Willian havia desenvolvido uma maquina do tempo, pois sua tentativa era voltar no passado e tentar evitar o acidente que matou sua esposa e seu filho, mas ele percebeu que a máquina só pode funcionar com dias após ela ser criada. No ato do desespero ele acaba aceitando viajar no tempo, então Willian o explica  como tudo funciona e Josué parte em busca da cura do câncer. Quando ele chega ao futuro se depara com coisas que nem podíamos imaginar, uma realidade fora do comum que nos desperta certos questionamentos. A sociedade está completamente diferente daquilo que ele conhecia e ele tinha que ser ágil, pois o tempo no passado ia correr normalmente enquanto ele estivesse no futuro.


 O livro é uma mistura de ficção cientifica com uma tecnologia muito avançada ( lógico né Bianca ele viaja a mais de 200 anos obviamente a tecnologia  vai estar super avançada).   O livro nos apresenta o tanto que a tecnologia pode fazer bem e mal ao mesmo tempo, lendo fiquei me questionando se realmente daqui a 200 anos o mundo pode está como o autor citou. Fiquei impressionada, pois o autor e bem detalhista e você literalmente se sente ali no futuro. Fiquei o tempo todo ali torcendo para que o Josué conseguisse o que ele mais queria e confesso que foi muita adrenalina, quando você acha que ele está perto acontece mil e uma coisas.



 Uma coisa que logo de cara me chamou atenção foi à capa por que realmente ela está um arraso e combina com a premissa do livro. Outra coisa foi à sinopse, pois a mesma não entrega nada no livro e deixa o leitor curioso para saber o que se passa no livro.

 Alguns pontos negativos que me chamaram atenção foi que a narração do livro ficou um tanto confusa às vezes você não entendia a quem o livro estava se referindo, pelo fato ser narrado em terceira pessoas e somos apresentados a vários personagens fiquei super confusa em alguns momentos, pois não sabia se era o policial ou o próprio Josué ou algum outro personagem que o livro estava se referindo. A repetição de palavra também foi algo que me chamou muita atenção o autor repetiu constantemente uma palavra em apenas um parágrafo, mas tenho que confessar  que para ser o primeiro livro do autor ele está indo pelo caminho certo.


Os personagens secundários aqui tem grande importância (são muitos personagens secundários)  como o Willian o cientista que  está tentado ajudar o amigo. O fim do livro não foi o que eu pensei acho que foi por isso que eu me decepcionei um pouco .Mas enfim o livro é muito bom é uma leitura super fluida  li em um dia, pois de certo modo o livro te prende e você quer saber de todo jeito como o Josué está e se ele vai conseguir o que ele tanto quer.



16 de setembro de 2016

[Resenha #37] Minha Julieta

Titulo :Minha Julieta
Autora: Leisa Rayven
Editora : GloboAlt
Paginas:352

Sinopse:Alguns amores nunca te deixam ir...Cassie jurou que nunca iria perdoar Ethan por quebrar o coração dela, quando eles estavam juntos anos atrás. Ele era seu grande amor, e quando ele se recusou a amá-la de volta, uma parte dela morreu para sempre... ou assim ela pensou. Agora ela e Ethan estão compartilhando um palco da Broadway, e ele está determinado a reconquistá-la. Finalmente ele é capaz de dizer todas as coisas que ela precisava ouvir... mas ela pode acreditar nele? Será que ele realmente mudou, e o que faz com que esta mudança seja diferente de todas as suas outras promessas não cumpridas? 
A resposta está em algum lugar do passado, e agora a verdade virá à luz. Cassie voltará a confiar da maneira como ela era antes com Ethan? Ou é tarde demais para estes amantes estrela-cruzados?
Não perca este final hipnotizante da continuação de 'Meu Romeu', a história de amor inesquecível, que capturou os corações de mais de dois milhões de fãs online.


Olá meus queridos leitores, vim trazer a resenha de Minha Julieta, foi um livro que eu estava super ansiosa para ler e assim que comecei a ler devorei.

Atenção: A resenha pode conter spoiler do livro anterior, leia a resenha de Meu Romeu. 
 O livro gira em torno de o Ethan conseguir a confiança da Cassie, tentando se redimir de tudo que ele fez no passado, mas a cada hora que ele acha que deu dois passos ele acaba percebendo que está voltando um. Cassie sabe que ainda é apaixonada por Ethan, mas tenta de todas as formas se negar, e pensa que isso não vai dar certo, em sua cabeça se ele já a abandonou duas vezes não custaria nada ele abandonar a terceira, mas é ai que as coisas vão acontecendo e Cassie começa a perceber o quanto Ethan está realmente mudado, e que assim como ela ele está cheio de inseguranças e incertezas, mas não pensa em desistir em momento algum. Ethan luta com unhas e dentes para conseguir o perdão e o amor de Cassie de novo. Cassie quer apenas um recomeço, mas tranquilo, mais lendo ela quer conhecer bem o novo Ethan.
Ainda não restaurados, mas bem menos quebrados.”

Gente, eu já estava super pilhada para ler esse livro e vocês sabem, nesse livro a autora supriu mais ainda minhas expectativas, pois foi nesse livro que muitas coisas ficaram claras como, por exemplo: os abandonos de Ethan. Aqui vemos um Ethan mais apaixonado e eu jurava que não podia mais me apaixonar por ele, mas ai a autora no surpreende contando muitas coisas que aconteceu ao longo de sua vida quando ele foi embora. Cassie está muito confusa sobre voltar com Ethan ou não, pois toda vez que ela pensa em dizer “sim” alguma coisa a faz dizer um “não” então esse livro está cheio de “quase” e esses quases  literalmente nos deixa louca querendo matar e fazer os dois se aceitarem logo.
Gostei muito do amadurecimento dos personagens, pelo fato da autora nos apresentar eles tanto na adolescência quanto na fase adulta e bem nítida a evolução dos personagens. A narração desse livro é perfeita, mantendo o padrão do primeiro livro sendo narrado pela Cassie. A narração e feita no presente e no passado para que podemos entender melhor tudo que está acontecendo no presente e  o por que das escolhas dos personagens. O cenário está maravilhoso, pois a autora é bem detalhista faz você achar que está dentro do apartamento da Cassie ou ensaiando a peça.

“ Sim, eu te amo. Mas você não tem ideia de quantas vezes eu desejei não amar” 
Os personagens secundários são de grande importância nesse livro, como por exemplo a irmã de Ethan, que assim como no primeiro livro ela dar o ar da graça nesse livro também , sempre dando conselhos e tudo mais.A construção dos personagens me encantou desde o primeiro livro, não é tão clichê igual muita gente pensa, eles são tão normais quanto nós cheios de inseguranças e medos acho que foi por isso que me identifiquei  muito com o enredo. As cenas hots desse livro são bem exploradas, mas nada chulo e sim super sensual, mas para quem não gosta você pode pular as cenas quentes e voltar para onde começa a história normalmente que você não vai ficar perdida. Com todo meu coração eu amei esses livro Meu Romeu e Minha Julieta, foi uma leitura super fluida e rápida literalmente devorei os livros. Para quem gosta fica ai a dica de leitura super-romântica e que vai te deixar apaixonada.



13 de setembro de 2016

[Resenha #36] : Sr Daniels

Titulo: Sr Daniels
Autora: Brittainy C. Cherry
Editora : Record
Páginas: 310


Sinopse:Depois de perder a irmã gêmea para a leucemia, Ashlyn Jennings vê sua vida mudar completamente. Além de ter de aprender a conviver sem parte de si mesma, ela precisa se adaptar a uma nova rotina. Enviada pela mãe para a casa do pai, com quem mal conviveu até então, ela viaja de trem para Edgewood, Wisconsin, carregando poucos pertences, muitas lembranças e uma caixa misteriosa deixada pela irmã.

Na estação de trem Ashlyn conhece o músico Daniel, um rapaz lindo e gentil, e a atração é imediata. Os dois compartilham não só o amor pela música e por William Shakespeare mas também a dor provocada por perdas irreparáveis. Ao sentir-se esperançosa quanto a sua nova vida, Ashlyn começa o ano letivo na escola onde o pai é diretor. E não consegue acreditar quando descobre, no primeiro dia de aula, que Daniel, o belo músico de olhos azuis com quem já está completamente envolvida, é o Sr. Daniels, seu professor de inglês. 
Desorientados, eles precisam manter seu amor em segredo, e são forçados a se ver como dois desconhecidos na escola. E, como se isso já não fosse difícil o bastante, eles ainda precisam tentar de todas as formas superar os antigos problemas e sobreviver a novos e inesperados conflitos.



Olá meus queridos leitores, tudo bem com vocês? Bom, espero que sim!
Hoje vim falar de um livro que  mexeu muito com as minhas estruturas .

“Não importa o que aconteça, não importa quantas vezes você lide com ela, a morte não fica mais fácil”
 No livro somos apresentados a Ashlyn uma jovem que acaba de perder sua irmã gemia e sua mãe a manda ir morar com seu pai. O pai de Ashlyn nunca foi um homem muito presente na vida das filhas, com isso Ashlyn fica receosa em ir, mas acaba indo já que em sua cabeça sua mãe não a quer mais ali. Também somos apresentados a Daniel Daniels, um homem  maduro que ama música e que recentemente perdeu o pai e a mãe ( Isso não é spoiller está logo nos primeiros capítulos)  e tem um irmão viciado em drogas. No trem quando Ashlyn está indo para casa de seu pai, ela se depara com Daniel e logo se vê intrigada diante de tanta beleza, ao descer do trem ela está a espera do seu pai quando Daniel se aproxima e recita Shakespeare ela fica encantada já que ela é apaixonada por Shakespeare, eles acabam conversando e ele a convida para um show da banda dele. Quando Ashlyn chega a casa do pai vê tudo totalmente diferente do que ela imaginava, agora ele era casado com uma mulher e essa mulher tinha dois filhos. Ashlyn  está desde de Chicago carregando um baú que sua falecida irmã havia dado para ela  e junto desse baú tinha uma lista que ela tinha que cumprir para abrir cada carta. Quando Ashlyn vai ao bar vê Daniel tocar ela percebe uma grande semelhança das letras das musicas com citações e de Shakespeare e então ele conta que todas as letras das músicas  são inspiradas em Shakespeare. A atração deles era nítida, mas em seu primeiro dia de aula tendo seu pai como vice-diretor da escola Ashlyn descobre que Daniel é o seu professor de inglês avançado mais conhecido como Sr. Daniels.  A partir daí é uma coisa de louco para que eles possam se acertar, varias coisas vão acontecendo ao longo do enredo. Será que eles vão ficar juntos?


“Desejei que Gabby ainda estivesse viva.E desejei que eu não me sentisse tão morta”

Bom, eu estou viciada na escrita dessa autora que se eu pudesse leria até sua lista de compras. Muitas pessoas conheceram essa autora por esse livro, mas comigo foi diferente eu conheci a autora pelo livro O AR QUE ELE RESPIRA. Eu tinha muitas expectativas referentes a esse livro e todas foram supridas com a maior excelência possível. A autora tem o dom de mexer comigo em seus livros, é uma leitura muito emotiva você se vê ali diante de dois personagens que perderam pessoas tão importantes há pouco tempo. Admira-me muito como ela consegue nos transmitir os sentimentos dos personagens através de suas palavras, você consegue sentir o amor do Daniel e da Ashlyn.  A história tem uma carga emocional muito grande, pois estamos lidando com a perda algo que não é muito fácil. Eu me desabei a chorar  quando a Ashlyn abre a primeira carta da sua irmã , é maravilhoso a sintonia entre as cartas parece que a Gabyy sabia certinho a ordem que Ashlyn iria ler as cartas.


“Lembre sempre do nosso primeiro olhar,E seu coração vai saber que sou o bastante. - Romeo's Quest”

Os personagens secundários dessa história me cativaram em todos os sentidos eu queria muito ser amiga deles de verdade rsrs,como por exemplo os filhos de sua madrasta  Rayan o irmão mais velho que é um amor e  a cada pagina que passa eu me apaixonava mais por ele, e a Haylen a mais nova que é super compreensiva e acolhe Ashlyn como se fosse sua irmã já lhe contando de imediato tudo sobre  sua vida.


“Não consigo entender como as pessoas que deveriam nos amar incondicionalmente são as que se viram contra nos num piscar de olhos”
A narração é em primeira pessoa tanto pelo ponto de vista da Ashlyn quanto do Daniel amo esse tipo de narrativa me deixa mais ligada aos personagens. Como sempre a autora me destruiu de tanto que me fez chorar, mas valeu cada lagrima por que o enredo é rico. O livro me fez repensar muitas coisas incluisive  não deixe para fazer depois o que você pode fazer agora, pois nunca sabemos o amanha o livro me ensinou a dar mais valor enquanto as pessoas estão em vida. A leitura foi muito fluida li em um dia. Para quem quer um livro bom, mas bom mesmo que vai arrancar lagrimas e deixar seu coração cheio de amor esse é uma ótima pedida.

“Não tenho medo de perder você.Tenho mais medo de me perder.Só não me faça escolher, pois vou escolher você” 

8 de setembro de 2016

[Resenha #35] O Ar Que Ele Respira

Titulo: O Ar Que Ele Respira
Autora: Brittainy C. Cherry
Editora: Record
Páginas: 306
Sinopse: O novo romance da autora de Sr. Daniels.Como superar a dor de uma perda irreparável? Elizabeth está tentando seguir em frente. Depois da morte do marido e de ter passado um ano na casa da mãe, ela decide voltar a seu antigo lar e enfrentar as lembranças de seu casamento feliz com Steven. Porém, ao retornar à pequena Meadows Creek, ela se depara com um novo vizinho, Tristan Cole. Grosseiro, solitário, o olhar sempre agressivo e triste, ele parece fugir do passado. Mas Elizabeth logo descobre que, por trás do ser intratável, há um homem devastado pela morte das pessoas que mais amava. Elizabeth tenta se aproximar dele, mas Tristan tenta de todas as formas impedir que ela entre em sua vida. Em seu coração despedaçado parece não haver espaço para um novo começo. Ou talvez sim.




Olá meus queridos leitores, tudo bem com vocês? Espero que sim !

Bom, eu peguei esse livro para ler por que muitas pessoas estavam me indicando esse livro .

“Às vezes, a pior parte de existir sem a pessoa que amamos é ter que se lembrar de respirar”.
O Ar que ele repira conta a história de Tristan e Elizabeth, ambos marcados por uma perda muito grande. Tristan está todo feliz por que vai montar o negocio dos sonhos com seu pai, mas acaba indo tudo por água abaixo quando ele descobre que um terrível acidente tirou a vida de sua família. Depois somos apresentados a Elizabeth que acabou de perder seu marido e está passando um tempo na casa de sua mãe para tentar espairecer a cabeça. Não foi fácil o tempo que Elizabeth ficou na casa da mãe já que sua mãe troca de namorado igual troca de roupa desde o falecimento do seu pai. Elizabeth então tomou a decisão de voltar para sua casa e tentar reconstruir sua vida ao lado de sua filha, mas nada era tão fácil quando ela pensava. Indo para casa ela atropela um cachorro  foi ai que ela conheceu Tristan. Ele é um homem forte, musculoso e muito reservado e pelo fato da cidade ser bem pequena vivem inventado boatos sobre ele. Ao longo vamos conhecendo o enredo do livro, Tristan e muito fechado e sempre tem a resposta na ponta da língua para tudo que Elizabeth vai falar. Tanner um grande amigo do falecido marido de Elizabeth sempre estava lá a todo o momento para o que ela precisasse. O vinculo entre Tristan e Elizabeth vai crescendo aos poucos ambos feridos com as cicatrizes ainda frescas, Elizabeth via algo em Tris que ninguém mais conseguia enxergar e ela queria muito conhecer o veadeiro Tris.Os dois começam a se envolver para vê se ameniza a dor, mas nada é  tão fácil igual eles pensaram.

“Num piscar de olhos, num breve momento, tudo que eu sabia sobre a vida mudou.”

Quando comecei a ler o livro fiquei impressionada com a escrita da autora. A história foi se desenrolando e eu não conseguia parar de ler, li o livro em um dia. Fiquei impressionada com a carga emocional desse livro eu chorava sem perceber, de certa forma me fez repensar muitas coisas. A personalidade de cada personagem foi muito bem trabalhada desde os principais até os secundários.

“Você é bonito, um belo mostro de coração partido” 

A autora consegue nitidamente transmitir através de suas palavras os sentimentos dos personagens e isso me deixou maravilhada, eu chorei muito com o Tris e com a Elizabeth. A amizade da Elizabeth com sua melhor amiga e muito engraçada a amiga só pensa em sexo, mas de todo jeito ela só quer ajuda-la de certa maneira e a divertir.

“No final, não são nas cartas de tarô, nos cristais, ou nos chás especiais que reside à magia. A magia está nos pequenos momentos.”  
A evolução do Tris é linda, eu me apaixonei tanto por ele por cada gesto que ele fez, por cada palavra dita por tudo ele é tão humano quanto nós.  O livro já te laça na primeira pagina, tive diversas emoções lendo o livro desde raiva até amor. Os diálogos são bem gostosos de ler. A escrita da autora e super fácil e com isso a leitura se torna fluida. A narração é feita em primeira pessoa com os pontos de vista da Elizabeth e do Tris ambos narrando o presente e alguns dias antes da tragédia.

“Mesmo quando o coração está em pedaços, ainda resta uma esperança quando se lê um romance.”
Quando você acha que o livro é previsível, você percebe que não tem nada de previsível nele no final eu fiquei tipo Meu deus, como assim?  O livro te prende e te faz querer ir lá e da um abraço no Tris e na Elizabeth. A redenção dos dois é linda. Gostei dos personagens secundários ter grande importância na trama quanto os principais, inclusive o patrão do Tris eu achei ele um homem muito sábio. Recomendo essa leitura para todos aqueles que querem realmente se envolver em uma linda história de arrancar lágrimas e sorrisos. Lembrando que será uma serie com os 4 elementos : Ar, Terra, Fogo e Água.  Não vejo a hora de ler os outros, os livros serão cada um de um personagem sem ter ligação com o livro anterior.


“Então por que parece que estamos dizendo adeus?”


Obs: Fiquei tão apaixonada com a escrita da autora que já corri e fui ler outro livro dela.



6 de setembro de 2016

[Resenha #34] : Peça-me o Que Quiser e Eu Te Darei !

 Titulo: Peça-me o que Quiser e Eu Te Darei
 Autora : Megan Maxwell
 Editora : Suma das Letras

 Sinopse:Os anos se passaram. Judith Flores e Eric Zimmerman vivem em uma bela casa em Munique com os três filhos. E continuam tão apaixonados quanto no dia em que se conheceram. O alemão e a espanhola enfrentam juntos os desafios de criar um adolescente e de manter o desejo aceso no casamento. Apesar disso, tudo parece ir bem, até o dia em que uma mulher do passado de Eric reaparece e coloca à prova todas as certezas de Jud. Já os melhores amigos do casal, Mel e Björn, estão mais felizes do que nunca. E o advogado sonha com o dia em que a ex-tenente do Exército americano deixará de ser tão teimosa e aceitará se casar com ele. Unidos pela amizade e pelo sexo, os dois casais enfrentarão juntos as armadilhas que o destino coloca em seus caminhos. Será que o amor verdadeiro é mesmo capaz de vencer tudo?

Olá meus queridos leitores, tudo bem com vocês? Bom, eu espero que sim!
Hoje vim trazer para vocês uma resenha que era um dos livros que eu mais esperei esse ano, então vamos lá?

O livro é o ultimo da série peça-me o que quiser (todo mundo aqui sabe o quanto sou louca com esses livros).  Os anos se passaram desde o ultimo livro e nesse livro vamos vê as dificuldades entre os nossos casais protagonistas Eric e Jud e Björn e Mel. Jud fica um bom tempo se dedicando aos filhos, mas chegou à conclusão que precisa trabalhar, mas já sabia que convencer o Eric a deixa-la trabalhar não seria uma coisa tão fácil assim ele vive falando que ele pode dar ela tudo, que não necessidade alguma dela trabalhar.
-Dança comigo pequena?
Eric está cada vez mais preso em seu trabalho, vive viajando e em reuniões, algo que deixa Jud meio insegura em relação ao casamento. Uma mulher do passado de Eric aparece e com isso a insegurança da Jud acaba aumentando e fazendo com que ela se estresse com algumas coisas. Jud está passando uma barra com o Flyn já que ele está na fase mais rebelde possível e olha que ele só tem 14 anos.
Do outro lado temos Mel e Björn, eles estão mais apaixonados do que nunca, mas assim como Eric e Jud eles estão passando por alguns altos e baixos, Mel quer um emprego e seu lindo alemão quer conseguir um emprego em um conceituado escritório de advocacia, mas quanto mais ele quer esse emprego, mas Mel começa descobri coisas nada agradáveis referentes a esse escritório.Os jogos deles continuam com a mesma intensidade de antes, agora com mais pessoas. Também nesse livro vemos personagens secundários que apareceram ao longo de toda serie.
-De novo?-Jud, é trabalho não diversão! 
Agora vamos lá.
Bom eu só tenho uma coisa a dizer QUE LIVRO PERFEITO, a Megan me surpreendeu com o final desse livro eu juro que não esperava que fosse desse jeito, se eu chorei?Eu quase me desidratei com o fim desse livro ela fechou com chave de ouro.O livro foi um dos melhores para mim dos 5 livros que ela lançou (Contando com surpreenda-me) . Nesse livro vemos Eric mais concentrado no trabalho assim como seu amigo Björn e vemos Mel e Jud querendo trabalhar, mas são situações completamente diferente uma da outra. Nesse livro o Flyn ficou uma espécie de rebelde eu juro que eu o odiei tanto, mas no fim eu senti tanta pena dele que meu coração até doeu, mas em certa parte eu culpo a Jud por não contar para o Eric nem a metade do que o Flyn fazia, mas também a entendo por que ela não queria causar briga.
  -Flyn me provoca, me desafia, diz coisas terríveis que às vezes eu não conto para o Eric para não piorar a situação

 lado espanhola de ser e o Eric seu jeito meio grosso Alemão. Mel sempre muito bem decida com seu ar militar e Björn sempre tranquilo querendo apaziguar as coisas.Em uma cena do livro eu juro com todas as minhas forças que eu quase entrei no livro e dei cara do Eric eu chorei tanto ou mais que a Jud nessa parte, para uma fã da serie não foi fácil quebrou meu coração em mil pedacinhos, mas sabia que seria algo no mínimo explicável.


-Pequena, peça-me o que quiser e eu te darei.
Os personagens secundários da serie aparecem aqui e nos fazem divertir e alguns nos fazem até pensar como, por exemplo, o pai da Jud eu o considero um homem muito sábio pelos conselhos que ele da. Temos também a Irmã da Jud  sempre muito eufórica. Entre outros. Os diálogos entre Luz e Jud são um tanto hilários. Confesso que AMEI ainda é pouco para descrever esse livro a Megan fechou com chave de ouro esse livro. As cenas hots continuam intensas como sempre eu gosto, mas quem não gosta eu não aconselho a ler esse livro, mas creio que se você chegou até o terceiro livro vai chegar ao quarto tranquilo. Eu amo a escrita da Megan e recomendo esse livro de olhos fechados para quem realmente curte o gênero. Para quem não curte e melhor nem lê.


5 de setembro de 2016

De Blogueira para Blogueira: Barbara Sá



 Olá meus queridos leitores, tudo bem com vocês?Espero que sim!
Hoje vim apresentar a nova coluna do blog: De Blogueira para Blogueira, essa coluna do blog vai trazer blogueiras na qual eu admiro muito e muitas coisas legais. E para estrear nossa coluna eu escolhi uma das minhas favoritas que é a Barbara Sá do Segredo Entre Amigas!

Eu conheci a Barbara por acaso no youtube a um tempão atrás  e me senti conectada de certo modo com o canal dela, ele á super engraçada ao longo dos vídeos e você consegue ter a nítida impressão que ela realmente está falando com você !



Seu canal no youtube conta hoje com mais de 10.000 inscritos e quando eu comecei a assistir seus vídeos ela só tinha 3 mil

 O blog já ultrapassou 4 mil seguidorores : Blog Segredo Entre Amigas
O instagram já ultrapassou  15 mil seguidores :Instagram : Segredo Entre Amigas

 #Top3:  Vídeos que eu amo do Segredo Entre Amigas



Vamos às perguntas:

1-      Fale um pouco como a história de criar um canal e um blog começou?

A vontade surgiu logo após eu fechar um site dedicado a Saga Crepúsculo. Fiquei meio sem ter o que fazer na internet e acabei criando o meu blog para falar de coisas que eu gosto. Não tinha a intenção de fazer um blog literário, mas quando eu vi ele já tinha se tornado. Ainda assim, incluo nele todo o tipo de conteúdo que me faz bem, pois ele é realmente o meu diário.

2-   Como surgiu o nome “Segredo Entre Amigas”?

Surgiu em uma conversa com uma das minhas melhores amigas. O blog se chama 'Glitter e Paetês', mas eu não era nada feliz com este nome. Ela então sugeriu 'Segredos Entre Amigas', eu gostei e fiou :)

3-     Quanto tempo tem o blog ? E o canal?

O blog tem 04 anos e o canal tem quase o mesmo tempo. 

4-  Como é sua rotina?(Em relação a trabalho e blog)

Eu trabalho até às 14hs, após voltar pra casa meu tempo é quase que todo dedicado ao blog. Confesso que vez ou outra eu dou aquela bugada e me jogo no Netflix, mas na maioria dos dias estou trabalhando para deixar tudo pronto. Entre leituras, postagens para o blog, gravações e edições de vídeos e fotos para as redes sociais eu gasto cerca de oito horas (ou mais) por dia.

5- Como você se organiza?

Essa é a grande incógnita da minha vida. Não sou muito organizada, taurina's feeling, então acabo recorrendo às listas. Sinto prazer em ticar as coisas, então me esforço para isto. Um dia eu gravo dois ou três vídeos, no outro eu edito, no outro faço fotos e assim sigo.

6-     Quando começou seu gosto pela leitura?

Começou em 2011, quando eu li Lua Nova. Minha mãe sempre me incentivou a ler, mas só a partir deste ano que eu me tornei meio compulsiva por livros.

7- Qual o conselho que você daria para uma pessoa que quer começar um blog ou um canal?

Faça por amor. Se você não curtir o que faz tudo vai ser chato e cansativo então faça por que gosta e não visando o que você poderá ganhar, materialmente, com isso. Após criar se empenhe. O segredo é você ter compromisso. Crie seus prazos e suas metas, só assim dará certo.

8- Quais são suas metas referente ao blog e o canal?

Eu tenho o blog e o canal como um hobby, mas também o tenho como um trabalho. Dividir o meu tempo entre meu real trabalho, o blog e o canal acabam me deixando um pouco cansada e estressada. Acho que minha principal meta é viver disso. Não preciso fazer as blogueiras ricas que viajam o mundo inteiro, só conseguir pagar minhas contas para poder me dedicar mais já está de bom tamanho.

9- Qual seu gênero favorito?

Drama! Adoro romances dramáticos que me impulsionam a aproveitar mais a vida. 

10- Cite cinco Crushs literários (Sei que você tem vários rsrs)

Garota, como você é má! Edward Cullen (por motivos óbvios), Gabriel Emerson (O Inferno de Gabriel), Calvin Klein (O Safado do 105), Darcy (Orgulho e Preconceito) e Björn (Peça-me o que quiser e Surpreenda-me).

11-  Um livro que você leu que te deixou em uma baita ressaca literária?

Recentemente o primeiro livro da Sarah Dessen que eu li, Os Bons Segredos. Dramas que me marcam muito costumam me deixar de ressaca.

12-  Três livros que você acha que todo mundo deve ter ?

Extraordinário, O Casamento e Orgulho e Preconceito.

13-  Quais são seus autores favoritos? ( Nacionais e Internacionais )

Nicholas Sparks, Carina Rissi, Jane Austen e Julia Quinn.

14- Blogueiros que você costuma acompanhar?

Melina Souza, Bruna Vieira, Mirele Candeloro.

15-  Se você fosse escrever um livro, qual seria o Titulo e o gênero?

Não faço ideia do título, todos os rascunhos que tenho são nomeados como 'Livro 01', 'Livro 02', 'Livro 03'... haha. Quero muito escrever um romance e uma fantasia. Vai que um dia.

16- Se você pudesse se teletransportar para um livro qual seria ?

Crepúsculo e Orgulho e Preconceito, não consigo decidir. 

17-  Um recadinho que você deixaria a todas as leitoras do blog ?

Nada é tão nosso quanto os nosso sonhos. Persista e acredite, tudo o que está preparado pra ser seu será seu.

18- Uma blogueira que você gostaria que eu convidasse para essa coluna ?

Aione Simões do Minha Vida Literária.

19- Espaço livre (aqui você pode  escrever tudo que você quiser )

Espero que tenham gostado de me conhecer melhor! Bi, muito obrigada pelo carinho e pelo convite, espero que eu tenha suprido às suas expectativas. 

É isso! Um super beijo  

Bom meus leitores, espero que tenham gostado assim como eu amei conhecer um pouco mais da Barbara e do  Segredo Entre Amigas. Barbara muito obrigada pelo carinho um grande beijo!