6 de maio de 2016

Eu ♥ Nacional: Alice Akar


 Olá  meus queridos leitores, hoje é dia de uma das colunas do blog que eu mais gosto e todo mundo sabe disso , tenho o prazer de conhecer vários autores maravilhosos através desse projeto e hoje venho apresentar a vocês a autora Alice Akar


Nome: Karolina RamalhoPseudônimo: Alice Akar
Tenho 19 anos, sou paulista e estudante de engenharia mecânica. Gosto de desenhar, escrever, resolver cálculos e ouvir muita música indie em minhas horas livres. Sou viciada em séries, livros, filmes de romance e cheesecake. Desde pequena sou apaixonada por histórias diferentes, que exploram a criatividade ao nível máximo, e tudo isso começou quando li pela primeira vez o livro “Alice no país das maravilhas” de Lewis Carroll. Suas histórias me inspiraram, fazendo-me viajar acordada por diversas vezes. Toda via, nunca tinha me aventurado no mundo da escrita, só fui começar a escrever com 17 anos, por pura diversão, porém encontrei na escrita uma maneira de extravasar e, de certa forma, ser livre.Desde o início sempre utilizei o pseudônimo Alice Akar para me identificar, desta forma ganhei certa liberdade e autonomia, podendo escrever com mais ousadia e atrevimento, o anonimato é uma experiência libertadora e muito divertida. Afinal, tudo que é escondido é mais gostoso, não é mesmo?A escolha do meu pseudônimo é muito simples, sempre fui apaixonada por Alice (desde Lewis Carroll) então tudo relacionado á ela me fascinava (e ainda fascina). Então já que fora a personagem que me fez entrar de cabeça no mundo da literatura, nada mais justo escolhê-la. E o Akar (sobrenome do meu pseudônimo) são as iniciais do meu verdadeiro nome. Amo escrever comédias românticas, drama, contos e me aventuro um pouco em romances eróticos. Tenho um livro no site wattpad (em andamento) chamado “Sempre sua Luce”. É uma comédia romântica, estilo chick lit, mas com uma pitada de suspense. No momento estou trabalhando em meu segundo livro,  um drama, mas que ainda não foi divulgado. 
Sinopse: "O amor pode te salvar ou te destruir. Mas ele pode, ao mesmo tempo, fazer os dois? A vida de Emma já era uma louca bagunça. Abandonada há quatorze anos, passou sua infância inteira em orfanatos, mas quando decide se mudar para Manhattan tudo piora pois conhece Sean, um homem misterioso e encantador. Apaixonar-se foi inevitável e infelizmente isso a destruiu. Ele arruinou sua vida duas vezes: quando tentou mata-la e quando a salvou. O amor pode mesmo resistir a tudo?"








 Links Livro
FacebookPageEmail para contato: aliceakar@outlook.com
 Alice, gostaria de te desejar todo sucesso do mundo, saiba que sempre pode contar com o blog . Beijos com carinho

 


2 comentários:

  1. Olá,
    fiquei super interessada na história!

    Beijocas,
    Rebeca Grauer, http://ocafofoliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigada Bianca! <3
    Desejo á você muuuito sucesso e também pode contar comigo sempre que precisar.
    Um grande beijo.

    ResponderExcluir